Pagamentos de jóia, quota ou seguro

Os pagamentos ao clube deverão, preferencialmente, ser realizados por transferência bancária para a conta NME no Banco Popular:

PT50 0046 0115 0060 0350 2894 8

Após realizada a transferência deverás enviar o comprovativo para secretaria@montanha.org

Porém, a partir de agora poderás também efectuar pagamentos directamente a João Graça (presidente da Direcção) ou Geraldo Santos (tesoureiro). Após a recepção dos pagamentos receberás um e-mail a confirmar o recebimento dos mesmos.

Licença Federativa FPME 2018

A Federação Portuguesa de Montanhismo e Escalada (FPME) nasceu do desejo dos praticantes de actividades de montanha em verem-se representados por uma entidade que, de facto, procurasse a promoção e o desenvolvimento do montanhismo, da escalada e das várias modalidades desportivas que lhes estão associadas.

O Núcleo de Montanha de Espinho desde a primeira hora ousou aderir a este projecto que teve o mérito de agrupar clubes de todo o território nacional e, acima de tudo, reunir pessoas excepcionais que com meios bastante escassos vão mantendo viva a esperança de um dia o Estado Português  reconhecer que, no que concerne aos desportos de montanha, é a única Federação verdadeiramente útil ao país.

Ao requereres a emissão da tua Licença Federativa FPME estás a dar um voto de confiança a este projecto que é de todos e para todos. Queremos ter uma Federação que para além da Escalada de Competição tenha uma oferta formativa que vá de encontro às necessidades dos associados, que tenha uma palavra a dizer na discussão do acesso a espaços naturais condicionados, que promova a defesa do ambiente, que desenvolva as actividades de montanha e escalada adaptada, que promova o reequipamento de vias de escalada em rocha, que permita a obtenção de seguros desportivos em condições vantajosas,… , queremos ter uma Federação em que confiemos.

Ao fazeres a tua inscrição/renovação no clube dá também o teu apoio à FPME!

Licença Federativa FPME 2018 – 15,00€

Espinho, Assembleia Constituinte da FPME

 

Pagamento de quotas, licenças federativas e seguros

Ano Novo… Paga !

Quotas

Quanto mais cedo regularizares o pagamento mais cedo poderás usufruir do acesso às actividades, rocódromos e equipamentos do clube.

O valor da quota para 2018 é de 20,00€, sendo de 10,00€ para todos aqueles que tenham idade inferior ou igual a 18 anos à data do pagamento.

Licença Federativa FPME

O valor da Licença Federativa para o ano de 2018 é de 15,00€. O pagamento da licença federativa é obrigatório para todos aqueles que:

  • pretendam aceder aos seguros desportivos FPME e CAF;
  • pretendam participar e pontuar nas competições de escalada e de bloco;
  • pretendam apoiar a FPME no desenvolvimento e promoção das actividades de montanha e escalada;

+info

Licença Federativa ATRP

O valor da Licença Federativa ATRP para o ano de 2018 é de 10,00€. O pagamento da licença federativa é obrigatório para todos aqueles que:

  • pretendam aceder ao seguro desportivo ATRP;
  • pretendam participar e pontuar nas competições de trail running ATRP;
  • pretendam apoiar a ATRP no desenvolvimento e promoção do trail running;

+ info

Seguros

Para acesso e utilização aos rocódromos NME é obrigatória a posse de Seguro de Acidentes Pessoais com cobertura da prática de escalada desportiva.

Para participação nas actividades organizadas pelo NME é obrigatória a posse de Seguro de Acidentes Pessoais que cubra as actividades praticadas.

1. FPME

Toda a informação disponível aqui

2. CAF

Toda a informação disponível aqui

3. LIBERTY E3

Para todos aqueles que apenas pretendam ter aulas de escalada na E3 o NME contratualizou com a LIBERTY um Seguro Desportivo com as seguintes características:

4. ATRP

Seguro desportivo destinado aos praticantes de trail running.

+ info

5. OUTROS SEGUROS

Existem no mercado outros seguros de Acidentes Pessoais destinados a praticantes de escalada, canyoning, alpinismo, …

Importa notar que alguns desses seguros não cumprem os requisitos legais para serem considerados seguros desportivos, nomeadamente devido ao facto dos capitais envolvidos serem bastante inferiores aos regulamentados por lei. Como tal, não são comparáveis aos seguros anteriormente apresentados.

Não obstante, poderão ser uma alternativa para aqueles que, não sendo federados, pretendam ter acesso a um seguro de baixo custo.

 

Como pagar?

Todos os pagamentos deverão, preferencialmente, ser realizados por transferência bancária para a conta:

PT50 0046 0115 0060 0350 2894 8

O comprovativo de pagamento deverá ser remetido para secretaria@montanha.org juntamente com a identificação do sócio e todos os documentos necessários no caso de se pretender activação de seguro.

Após a verificação de que tudo está OK receberás um e-mail a confirmar o recebimento e activação do seguro.

Regresso às aulas

As aulas de escalada regressam no próximo dia 03 de Janeiro!

Horário

Sub 18 – Segundas e quartas-feiras das 18h30 às 20h00

Adultos – Segundas e quartas-feiras das 20h30 às 22h00

Condições de acesso:

  • Acesso exclusivo a sócios do clube com situação regularizada,
  • Os escaladores deverão ser possuidores de Seguro Desportivo que cubra a prática de escalada desportiva,
  • Pagamento de 20,00€/mês/aluno (desconto para os familiares directos).

Responsável:

Nuno Gonçalves (Prof. de Ed. Fisica e Monitor Credenciado).

Jantar de Natal

Logo a seguir à Assembleia Geral do dia 16 de Dezembro realizar-se-á o já tradicional jantar de Natal do clube. O restaurante a seleccionar dependerá do número de interessados pelo que se solicita que até ao próximo dia 24 de Novembro confirmes a tua presença. O jantar é aberto a familiares e amigos. Depois desta data não se garante lugar.

Inscreve-te aqui

Peneda Gerês Trail Adventure – Trail Solidário

25 km, 1500 d+

Nada melhor para terminar a Via Sacra com destino à Madeira do que esta prova. Tem tudo! Desnível, trilhos técnicos, ambiente, estradões, cerveja, paisagens, água, sol, … como na farmácia! Parabéns Carlos Sá por esta visita guiada e pela oportunidade de descobrir novos caminhos. A opinião dos participantes estrangeiros é unânime. Prova top. Talvez por isso haja já uma legião de repetentes. Portugal pode não ter grandes montanhas. Compensa com a grandiosidade das suas gentes.

Snowtime!

Ver a Serra da Freita pintada de branco é algo que não se vê todos os dias.

Com o cancelamento da actividade de fastpacking prevista para a Serra do Alvão o Director da Secção de Trail Running (Fernando Santos) pôs em marcha o seu plano de evitar a todo o custo uma nova ida para as escadarias da Ribeira do Porto. 06h30 era a hora de saída de Espinho rumo a Chão de Ave. O plano era simples. Subir até ao ponto mais elevado da Serra da Freita (São Pedro O Velho) e regressar.

Foto: Mika Magalhães
Foto: Mika Magalhães
Foto: Fernando Santos
Foto: Mika Magalhães
Foto: Mika Magalhães

 

https://www.facebook.com/fernando.cos.santos/videos/1202141599884450/