VERSÃO ATUAL 2.0

ORGANIZAÇÃO

O GoingUp – Espinho Climbing Festival (GoingUp) é um evento desportivo aberto ao público, organizado pelo Núcleo de Montanha de Espinho (NME), associação desportiva sem fins lucrativos, com sede na Nave Polivalente de Espinho.

O evento conta com o apoio institucional da Câmara Municipal de Espinho (CME), da Paróquia de Espinho e, como não poderia deixar de ser, da Federação Promotora de Escalada de Competição (FPME).

Apoiam também a organização a The North Wall (TNW), o Clube de Escalada da Maia (CEM) e a Escola de Montanha (EM).

Todos os elementos que integram a equipa organizadora do GoingUp fazem-no de uma forma totalmente voluntária e benévola. Toda a receita proveniente das inscrições e de eventuais patrocínios servirá para custear as despesas decorrentes da organização do evento e, se possível, melhorar as condições para a prática de escalada no Concelho de Espinho.

 

GOING UP?

O GoingUp não é uma competição. Pretende antes ser uma grande festa em que o tema principal é a escalada. O grande vencedor será aquele que mais se divertir e desfrutar dos desafios que foram preparados. Pretende também tornar-se num ponto de encontro anual da comunidade de escaladores, em que aqueles que se iniciam na prática de escalada possam conviver com os melhores escaladores da atualidade e com pessoas que marcaram o panorama da escalada nacional. 

 

CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO

O evento é aberto ao público em geral, sendo 6 (seis) anos a idade mínima de participação. Os participantes com idade igual ou inferior a 16 (dezasseis) anos apenas poderão participar se permanentemente acompanhados por um adulto participante no evento. Esse adulto será responsável pelo acompanhamento do participante durante todo o evento.

Para participar no evento é necessário ter a inscrição devidamente regularizada nos prazos estabelecidos e aceitar todas as normas constantes do presente regulamento.

Existirão diferentes requisitos de utilização de equipamentos pessoais de segurança em função da exposição e condicionantes de cada uma das vias / blocos. Haverá blocos em que será obrigatório o uso de crash pad, por exemplo, enquanto noutros blocos poderá apenas ser de uso aconselhado. Do mesmo modo, existirão blocos em que o uso de capacete será obrigatório para menores de 13 (treze) anos.

As vias de escalada com corda estarão equipadas em top rope, devendo os participantes trazerem o seu próprio arnês.

Caso o participante não possua crash pad e pretenda escalar um bloco, em que o seu uso seja obrigatório, deverá então juntar-se a alguém que o possa emprestar durante a tentativa. Será uma oportunidade para conhecerem outros escaladores e ter alguém para ajudar a controlar eventuais quedas. 

A escalada é uma atividade de risco e, ao participar no GoingUp, os participantes assumem todos os riscos inerentes. A prática de escalada implica assumir o risco de lesões permanentes, acidentes graves, ou mesmo fatais. Estes riscos podem ser minimizados, mas não eliminados. A segurança dos participantes é da sua inteira e exclusiva responsabilidade.

 

PROGRAMA GERAL

 

Dia 17 de junho de 2023 (sábado)

09h00 – 10h30 Abertura do secretariado (Praça Progresso)

10h00 – 10h30 Briefing (Praça do Progresso);

10h30 – 17h00 GoingUp Contest (cidade de Espinho)

17h00 – 18h00 Sorteio (Praça do Progresso)

18h00 – 20h00 GoingUp Pro (Praça do Progresso)

21h30 – 22h00 GoingUp Matrix (Igreja Matriz de Espinho)

22h30 – 23h30 GoingUp Dyno (Praça do Progresso)

23h30 – 02h00 GoingDown Party (Bar 37 na Praia)

 

Dia 18 de junho de 2023 (domingo)

 

10h00 – 14h00 GoingUp FPME

 

GOING.UP CONTEST

O GoingUp Contest irá decorrer, de forma ininterrupta, entre as 10h30 e as 17h00 do dia 17. 

Previamente, entre as 09h00 e as 10h30, os participantes deverão recolher, junto do secretariado, a pulseira identificativa de participante e um mapa de localização dos blocos / vias / problemas, que se encontrarão dispersos pela zona central da cidade de Espinho. 

Às 9h00 será igualmente publicada, na página web do evento, toda a informação referente à localização dos blocos / vias de escalada, pontuações, e demais informação considerada pertinente.

Todos os participantes que pretendam ingressar na tabela classificativa do GoingUp Contest irão receber, na semana anterior ao evento, por e-mail, uma notificação para procederem ao registo individual na plataforma de classificação.

Será nesta plataforma que os participantes deverão, ao longo do GoingUp Contest, proceder ao registo dos seus encadeamentos (tops).

Todos aqueles que pretendam participar no GoingUp Contest sem fazer o registo da sua pontuação serão livres de o fazer, não sendo o seu nome listado na tabela classificativa. 

Todos aqueles que pretendam aceder ao GoingUp Pro terão, obrigatoriamente, de classificar-se no GoingUp Contest, sendo esta a forma encontrada de seleccionar os participantes que irão escalar um conjunto de blocos de maior dificuldade técnica, num modelo semelhante ao que pode ser encontrado numa competição de âmbito federativo.

Durante o GoingUp Contest os participantes poderão escolher livremente qual a ordem, e quais os blocos ou vias, que irão tentar escalar.

A cada bloco/via será atribuída uma determinada pontuação. As vias mais fáceis serão menos valorizadas, as vias mais difíceis serão mais pontuadas. 

Não existe um número máximo para as tentativas de encadeamento de um bloco/via. Após uma tentativa falhada, o participante irá para o final da fila de espera, se pretender repetir a tentativa.

Caso o escalador alcance o top do bloco/via à primeira tentativa (flash) a pontuação será bonificada.

O registo dos tops dos blocos/vias alcançados será realizado de imediato e diretamente, pelo escalador, na plataforma online de gestão de competições. A tabela classificativa geral será atualizada em tempo real.

Em cada um dos locais de escalada encontrar-se-á um elemento da organização que procederá ao registo dos escaladores que fizerem top e assegurará o cumprimento das regras de segurança. Não irão existir árbitros. A equipa organizadora acredita na boa fé e no comportamento ético de todos os participantes. 

A tabela classificativa do GoingUp Contest será Geral, havendo apenas a distinção por sexos.

 

SORTEIO

Sendo uma festa, e não uma competição, faz mais sentido que tudo aquilo que nos seja disponibilizado pelos apoiantes do evento seja distribuído aos participantes sob a forma de sorteio, em vez de prémios. E é de toda a justiça que os elementos da organização e staff façam também eles parte deste mesmo sorteio, pois sem eles nada disto seria possível. É o mínimo que podemos oferecer.

O sorteio será realizado através do número de inscrição no evento. Se no momento da realização do sorteio o participante sorteado não se encontrar presente na Praça do Progresso, perderá o direito a receber a oferta, repetindo-se novamente o sorteio.

 

GOING.UP PRO

Terão acesso ao GoingUp Pro as 5 (cinco) melhores classificadas femininas e os 5 (cinco) melhores classificados masculinos do GoingUp Contest. A tabela classificativa será conhecida imediatamente após a conclusão do GoingUp Contest.

Na semana anterior ao evento será divulgado o regulamento referente ao GoingUp Pro, que será muito idêntico ao utilizado nas competições nacionais de escalada de bloco.

No final do GoingUp Pro serão atribuídos troféus iguais a todos os dez participantes. Note-se que não sendo a competição o principal foco do GoingUp, não se prevê a atribuição de qualquer tipo de prémio. Não obstante, como forma de reconhecimento, aos vencedores, masculino e feminina, será endereçado o convite para participar na edição do ano seguinte do  GoingUp Matrix dessa edição.

 

GOING.UP MATRIX

O GoingUp Matrix é um evento cujo principal objetivo é, através da escalada, promover a angariação de alimentos para pessoas carenciadas. Os alimentos recolhidos serão entregues à Paróquia de Espinho que, desde há muitos anos, promove a realização de refeições sociais e cujo trabalho desenvolvido merece todo o nosso reconhecimento.

A escalada da torre da igreja matriz de Espinho, nesta primeira edição, será realizada por dois dos melhores escaladores portugueses. Nas futuras edições do GoingUp, o convite para a participação nesta atividade será endereçado aos vencedores do GoingUp Pro do ano anterior, como forma de reconhecimento do seu mérito desportivo.

 

GOING.UP DYNO

Tal como nas edições do EBC – Espinho Boulder Contest irá haver um concurso de lançamentos. Em cada ronda, a distância para a presa a agarrar irá sendo ligeiramente incrementada. Cada escalador, em cada ronda, terá duas tentativas consecutivas para agarrar a presa. Passam à ronda seguinte os escaladores que consigam controlar a presa (agarrar durante um mínimo de 2 segundos). 

 

GOING.DOWN PARTY

Logo após o término do GoingUp Dyno bastará descer dois quarteirões em direção ao mar para chegarmos ao bar 37 na Praia. Será a altura ideal para beber um copo e desfrutar das experiências vividas durante o dia.

 

GOING.UP FPME

Este será um evento exclusivo para os atletas federados FPME que possuam seguro desportivo Nível 2, CAF, ou equivalente, no qual poderão experimentar os blocos do GoingUp Pro.

 

INSCRIÇÕES

O prazo de inscrição no evento inicia-se no dia 17 de maio e termina no dia 10 de junho de 2023.

A inscrição no GoingUp realiza-se exclusivamente através de formulário disponível em goingup.montanha.org.

Todas as informações recolhidas no processo de inscrição no evento serão utilizadas única  e exclusivamente para esse fim, não havendo a divulgação da informação a outras entidades.

Os escaladores convidados pela organização deverão proceder à inscrição seguindo o mesmo procedimento.

 

DIREITOS DE IMAGEM

A aceitação do presente regulamento implica, obrigatoriamente, que o participante autoriza aos organizadores da prova a gravação total ou parcial da sua participação na mesma, pressupõe também a sua concordância para que a organização possa utilizar a imagem do atleta para a promoção e difusão da prova em todas as suas formas (rádio, imprensa escrita, vídeo, fotografia, internet, cartazes, meios de comunicação social, etc.) e cede todos os direitos à sua exploração publicitária que considere oportuna executar, sem direito, por parte do atleta, a receber qualquer compensação económica.